CONHEÇA NOSSO BLOG
28Jul
Enteral e parenteral: conheça as vias de administração de medicamentos

Enteral e parenteral: conheça as vias de administração de medicamentos

Compartilhe!

A forma como os medicamentos são ingeridos influencia muito no alcance do objetivo do tratamento implementado. Em geral, as vias de administração de medicamentos são divididas em dois grupos: enteral e parenteral. A escolha do melhor método depende da quantidade da droga, da rapidez com que se deseja alcançar sua ação e da natureza dela. Pensando nisso, a Zoom Entregas Rápidas decidiu fazer este artigo explicando a diferença entre ambas as vias. Confira!

Conheça as vias de administração de medicamentos!

Mulher ingere medicação através das vias de administração de medicamentos

Via Enteral

A via enteral ocorre quando o medicamento entra em contato com qualquer um dos segmentos do trato gastrointestinal. Este é composto pela boca, faringe, esôfago, estômago, intestino delgado, intestino grosso, reto e ânus.

As vias de administração de medicamentos por método enteral incluem os seguintes subtipos:

  • oral: método mais simples e mais utilizado entre todos os outros. É de fácil aplicação e não necessita de ajuda. Além disso, é quase sempre indolor e não é invasivo. As fórmulas farmacêuticas administradas nesta via podem ser sólidas (comprimidos, cápsulas, drágeas) ou líquidas (xaropes, elixires, emulsões);
  • sublingual: método que inclui a introdução dos medicamentos na região abaixo da língua. Apresenta uma ação mais rápida que a via oral, pois tem contato direto com os vasos sanguíneos que se encontram ali. Os medicamentos administrados pela via sublingual são os lipossolúveis ou não irritantes;
  • retal: método utilizado quando o paciente apresenta vômitos, se encontra inconsciente ou não consegue deglutir. A absorção é feita pela mucosa retal, sendo bem mais lenta. Em geral, os medicamentos administrados por esta via são em forma de supositórios.

Via Parenteral

A via parenteral é aquela que não interage com o trato gastrointestinal. Em outras palavras, esta é uma das vias de administração de medicamentos que não atravessam a mucosa intestinal. Sendo assim, a administração da droga é realizada por injeção, diretamente no líquido tecidual ou no sangue. Os subtipos são:

  • intravenosa: permite que o medicamento entre direto na corrente sanguínea através de uma veia. É indicada para a administração de soluções, como soro fisiológico 0,9% e soro glicosado 5%;
  • intramuscular: facilita a absorção da medicação diretamente no músculo em longo prazo. É a via utilizada para administrar soluções aquosas e oleosas;
  • intradérmica: permite que o medicamento entre em contato com a derme. É a via indicada para fins diagnósticos, como testes de alergia e reações para tuberculose;
  • subcutânea: o líquido é absorvido lentamente pelo tecido subcutâneo. É a via mais utilizada em tratamentos de longa duração, como administração de insulina para pacientes com diabetes.

Quem faz transporte de medicamentos?

Agora que você conhece as vias de administração de medicamentos, conte com quem entende do assunto para transportar seus produtos farmacêuticos. Conte com a Zoom Entregas Rápidas! Somos certificados pela ANVISA para realizar a coleta e transporte de medicamentos oncológicos, enteral e parenteral. Atendemos em todo o estado do Rio de Janeiro!

Entre em contato conosco e peça já seu orçamento!

Gostou deste artigo? Continue lendo sobre o assunto no nosso blog! Veja alguns artigos que podem ser úteis para você:

Posts Recentes Tags